Monstro Animal
TREM QUE PULA, TRACAJÁ, SANGUINOLENTO!

Arquivo para agosto 2011

Gerais…

agosto 31, 2011

Minas: OCÊ SAI DAQUI MAS AQUI NÃO SAI DOCÊ! Ontem: Social e Bordelo. 33 graus na tarde itabirana, 31 graus na noite belorizontina.

DesContexto

agosto 23, 2011

Acima das nuvens, o sol Na Desembargador com a Vicente, o farol Por entre a folhagem, os grilos Na ponta dos seios, os mamilos.   Para além da cachoeira abaixo, atravessam andorinhas Daqui até a pipa no alto, vai um carretel inteiro de linha Diante dos olhos sinceros dela, uma triste multidão Por trás do meu sorriso falso, […]

Delicada Euforia

agosto 20, 2011

Prezado Monstrinho, Se você mora em São Paulo ou está dando uma banda pela capital paulistana hoje Se você é um Monstrinho descolado, do tipo garimpeiro, muito mais do que um animalzinho Magro, tipo um ratinho Se você está andando em círculos pela megalópole e todos os caminhos parecem te levar de volta para o Cemitério […]

Esperança e prostituição

agosto 17, 2011

Fez um juramento com os dedos cruzados e uma promessa com as pernas abertas Fez uma oração com os olhos fechados e milhares de programas com as ruas desertas. Não é fácil sair criando rimas. E nem cumprindo promessas…

Eu me pergunto

agosto 10, 2011

E eu me pergunto: “o que é que eu me pergunto?”. Eu me pergunto como seria se eu fosse morar numa casa nova? Se me metesse a escalar uma montanha gigante? Se mudasse de país? Se tripulasse uma nave para marte? Pra mercúrio? Saturno? Se sobrevoasse por entre os anéis de saturno? Eu me pergunto: […]

Até o próximo ato

agosto 3, 2011

A vida, eventualmente, vai te golpear baixo. A música, por vezes, se torna monocórdica, melancólica. As luzes podem cair, o pano pode cair, a cortina baixa. Sozinho, no silêncio, diante de um enorme mistério, envolto na poeira e na atmosfera do final de mais um ato, um homem cresce. Ele é o artista introspectivo tentando […]